Houdini foi um artista completo e um inovador incansável. Além das espetaculares habilidades como escapista, dominava perfeitamente a arte do ilusionismo cênico; foi um mestre da publicidade e soube aproveitar o poder emergente dos meios de comunicação promovendo o seu nome melhor do que nenhum outro artista da época. Através de uma fascinante imersão na idade de ouro da magia, esta obra pretende se tornar a mais completa e moderna biografia que se publica em português sobre o mago escapista mais influente da história contemporânea. O autor, que maneja uma documentação abundante e seletiva, explica detalhadamente o seus truques e desafios mais famosos, rompe com seus mitos mais comuns e faz um relato minucioso dos fatos que desencadearam sua inesperada morte na noite de Halloween de 1926. 

Embora pareça surreal, esta obra não é de ficção. “O Mistério das Fadas”, publicado em 1922 por Arthur Conan Doyle conta a história de duas primas de um pequeno vilarejo britânico que ficaram famosas por terem conseguido captar a imagem de criaturas aparentemente não humanas em uma série de fotos que receberam grande destaque da imprensa da época e deram a volta ao mundo. Traduzido por primeira vez ao idioma português, este livro inclui um interessante epilogo que ajudará o leitor a compreender o contexto da época e as circunstâncias que levaram a um dos autores mais importantes da história contemporânea a investir meses na criação uma obra literária dedicada a um episódio tão inusitado. 

 
 
 

Escrita em estilo fluído e de prazerosa leitura, o autor conta inúmeras curiosidades de sua vida, curiosidades da guerra e faz uma reconstituição detalhada de seu último combate, além de elaborar uma interessante análise de toda a polêmica criada em relação à sua morte, um trágico episódio considerado um dos mistérios mais intrigantes da primeira guerra mundial. O leitor conhecerá com detalhes os aviões pilotados pelo Barão Vermelho, seus combates aéreos e o desenvolvimento de toda a trajetória do maior piloto da Primeira Guerra Mundial. Com vinte capítulos e seis apêndices ricamente ilustrados, o autor desmonta versões fantasiosas, corrige erros históricos e traz à luz uma série de documentos traduzidos ao português pela primeira vez. 

 

(EM ESPANHOL) Baseado na 4ª versão do PMBOK (considerado o guía padrão mundial para Gerência de Projetos), o Livro PROJECT MANAGEMENT PRACTICO apresenta o seguinte conteúdo:

 

- 504 páginas;

 

- 202 figuras (tabelas, diagramas, matrizes, etc.);

 

- 184 técnicas explicadas detalhadamente;

 

- 54 modelos de documentos que compõe a documentação básica de um projeto.